Por aqueles dias, não conversava com ninguém. Saía sem dar bom dia, chegava ao trabalho calado, andava sem ver pelas ruas. Esqueceu como se vivia. Em casa, rezava, rezava e pedia para partir. Mas, à noite, sempre dormia.

Quem nem alegre nem triste nem poeta

Anúncios

4 Respostas to “”

  1. Dario Says:

    Porque às vezes o tormento se sobrepõe ao gozo. Mas no fim, após noites e dias no vento é o gozo e não o tormento que encontramos.

  2. Fred Says:

    Muito bom!

  3. iarinha Says:

    Passei uns dias sem passar e agora tô passando e gostei bastante desse. Até a próxima passada, rs.

  4. Louraidan Says:

    Pessoal, obrigado! ;)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: